Problemas informáticos

A demonstração clara do estado da nossa justiça ocorreu na passada segunda-feira quando, num processo que dura há cinco anos, os juízes não conseguiram ler o acórdão em virtude de um problema informático que os impediu de fazer uma simples gravação da audiência. Infelizmente estes problemas informáticos são o pão nosso de cada dia nos nossos tribunais, gerando o maior incómodo a todos os que neles trabalham. Essa situação foi especialmente visível durante a pandemia, em que o sistema informático inúmeras vezes ia abaixo durante as diligências, causando a maior perturbação na produção de prova. Por esse motivo, rapidamente se teve que voltar às audiências presenciais, pela inviabilidade de recurso à videoconferência para a realização de julgamentos. É por isso urgente a rápida modernização dos equipamentos informáticos dos nossos tribunais, substituindo o actual sistema informático obsoleto por um sistema moderno e fiável. Em lugar de gastar o dinheiro em coisas inúteis, como na colocação de máquinas de senhas à entrada dos tribunais, melhor seria que o Ministério da Justiça fornecesse aos tribunais equipamentos informáticos fiáveis e que não colapsassem durante as audiências.

Luís Menezes Leitão, Bastonário da Ordem dos Advogados

21/09/2021 23:31:07