Há 10 anos que não havia tantos processos por crimes de corrupção em Portugal

Desde 2011 que não se registavam tantas entradas de processos por crimes de corrupção em Portugal. No ano passado a Polícia Judiciária (PJ) recebeu 705 processos que deram entrada, enquanto as restantes autoridades policiais registaram 100 crimes de corrupção, revela o ‘Público’.

Os processos que deram entrada na PJ através da Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) representaram um aumento de 40% em comparação com o ano anterior, enquanto as restantes polícias receberam mais 38 processos.

De acordo com as declarações de uma fonte ao jornal, o aumento dos processos de corrupção pode estar ligado aos contratos de fornecimento de material para combate à pandemia que foram realizados com a administração pública, visto que houve uma necessidade de recorrer constantemente ao ajuste direto para aceleração da aquisição dos materiais necessários.

Os dados mostram que em 2021 se assistiu a uma inversão da tendência de redução dos processos registados na PJ, que se vinha a registar desde 2018 onde se tinha registado um número recorde de 688.

27/06/2022 16:26:57