Advogados ajudam ucranianos

A Ordem dos Advogados (OA) portugueses e a Associação Nacional dos Advogados da Ucrânia formalizaram um acordo que prevê a prestação sem custos de “aconselhamento jurídico aos refugiados ucranianos em Portugal”. 

“O acordo surge na sequência da operação sem precedentes levada a cabo pelos advogados portugueses no início há guerra na Ucrânia para assistência jurídica pro bono aos cidadãos ucranianos que se refugiaram no nosso país” refere a OA em comunicado.

A nota refere que para o bastonário, Luís Menezes Leitão, trata-se de mais um passo importante na “manutenção dos direitos humanos destes cidadãos. 

06/02/2023 20:21:14